Rogério Menezes apresenta projeto de energia solar para prédio público

Rogerio-MenezesO dirigente nacional do Partido Verde e atual secretário de meio ambiente da prefeitura de Campinas, Rogério Menezes, está à frente de um projeto invovador na produção de energia solar que envolve o prédio onde, hoje, funciona a prefeitura municipal daquela cidade.

Segundo o projeto em estudo, o belo prédio que abriga o Paço Municipal de Campinas poderá se transformar em uma usina produtora de energia solar para abastecer os seus 19 andares e ainda disponibilizar o excedente na rede pública.

O Projeto preve a instalação de painéis solares fotovoltaicos no teto do prédio e ou em torno da fachada, incorporando os materiais aplicados no conjunto da arquitetura. Para o funcionamento, as células solares convertem diretamente a energia do sol em energia elétrica de forma estática, silenciosa, não-poluente e renovável.

A prefeitura de Campinas apresentou a proposta de parceria à CPFL Energia. Estudos de viabilidade serão levantados para usar a energia solar, tanto para iluminação do prédio, como para o funcionamento de aparelhos e equipamentos.

Com relação aos investimentos, Rogério Menezes salienta que, com a implementação do projeto, em um curto espaço de tempo, os custos serão cobertos gerando energia barata e limpa para o poder publico e uma produção excedente destinada à rede de energia da cidade. Outro forte argumento do secretário é que a proposta se enquadra em dois programas que Campinas está inserida: o Cidades Sustentáveis e o Cidades Inteligentes. Ambos visam a redução das emissões de gases de efeito estufa, o uso de energias alternativas e eficiência energética e trabalham com a formação de uma cidade do conhecimento.