Eleito o novo Diretório Nacional do Partido Verde

Eleito o novo Diretório Nacional do Partido Verde

Como estava previsto, mais de uma centena de delegados, representando todas as unidades federadas, estiveram reunidos no último sábado (16), na sede nacional do Partido Verde, em Brasília, para a convenção nacional que escolheu o novo diretório e a nova executiva nacional da legenda.

Os trabalhos preparatórios que levaram à escolha do novo diretório nacional, que conta agora com 143 dirigentes, já havia sido previamente elaborado nos estados pelas executivas estaduais. O processo consensual, que resultou na formação de uma única chapa inscrita, acomodou todos os setores do partido.

Mesmo assim, houve uma renovação de nomes no diretório nacional próximo aos 30%.

O Partido Verde do Estado de São Paulo, que teve direito a vinte (20) assentos no diretório nacional, indicou e elegeu os seguintes dirigentes: José Luiz de França Penna, Vera Lucia da Motta, Claudio Turtelli, Eduardo Jorge Martins Alves Sobrinho, Francisco Antonio Sardelli, Ricardo de Oliveira Silva, Jovino Cândido da Silva, José Roberto Trícoli, Marco Antônio Mroz, Carlos Galeão Camacho, Arnaldo Juste, Marcos Belizário, José Roberto Nazareno de Alvarenga Tripoli, Edna Sandra Martins, José Paulo Tóffano, Maria Regina Gonçalves, Mariana Perin, Carlos Alberto dos Santos,  Rogério Menezes de Mello e Maria Marta de Oliveira.

 

Eleito o novo Diretório Nacional do Partido Verde2

Já a executiva nacional, que conta com 53 membros e deve dirigir os trabalhos da legenda nos próximos dois anos, manteve a maioria dos seus integrantes. Ficou deliberado, ainda na convenção, a manutenção de alguns nomes que, por questões   administrativas, permanecerão em seus cargos até a próxima reunião da executiva nacional, quando serão escolhidos os dirigentes que ocuparão os cargos existentes. Pela deliberação, ficam ativos em seus cargos o atual presidente nacional, José Luiz de França Penna, a secretária de assuntos jurídicos, Vera Motta, a secretária de organização, Carla Piranda, o secretário de finanças, Reynaldo Nunes de Morais e o secretário de Comunicação, José Carlos Lima. Contudo, todos os cargos existentes serão definidos na próxima reunião da executiva nacional, que deve ocorrer ainda no primeiro semestre de 2015.

O Partido Verde do Estado de São Paulo, que teve direito a dezesseis (16) assentos na executiva nacional, indicou e elegeu os seguintes dirigentes: José Luiz de França Penna, Vera Lucia da Motta, Claudio Turtelli, Eduardo Jorge Martins Alves Sobrinho, Francisco Antonio Sardelli, José Roberto Nazareno de Alvarenga Tripoli, Marcos Belizário, Marco Antônio Mroz, José Roberto Trícoli, Mariana Perin, José Paulo Toffano, Jovino Cândido da Silva, Maria Regina Gonçalves, Rogério Menezes de Mello, Carlos Alberto dos Santos e Ricardo de Oliveira Silva.

Eleito o novo Diretório Nacional do Partido Verde3

Também esteviveram presentes na convenção os deputados federais por São Paulo, Evandro Gussi e Sinval Malheiros. Gussi, que é membro da Comissão da Reforma Política em andamento no Congresso Nacional, fez um breve relato sobre o tema, apontando algumas tendências  que podem ocorrer na votação da matéria.

Entre outros palestrantes, também marcou presença o candidato da legenda à Presidência da República, em 2014, Eduardo Jorge, ratificando, em seu ponto de vista, as justificativas em prol do parlamentarismo e outras medidas defendidas com premissas pelo Partido Verde.

Uma agenda de reuniões da executiva nacional com os presidentes das executivas estaduais já está sendo preparada, visando as ações a serem tomadas em relação aos preparativos das eleições de 2016.

Secretaria Estadual de Comunicação

Partido Verde – São Paulo




Tripoli é o novo presidente da Comissão de Meio Ambiente da ALESP

Tripoli e o novo presidente da Comissao de Meio Ambiente da ALESPO deputado estadual Roberto Tripoli (PV-SP) foi eleito, na última segunda-feira (12), presidente da Comissão de Meio Ambiente da Assemblelia Legislativa do Estado de São Paulo (CMA). Tripoli, que está em seu primeiro mandato como deputado estadual, terá inúmeras questões relevantes à frente desta comissão, entre elas um projeto do executivo (governo) que terceiriza os parques estaduais. Neste caso, a comissão  terá que decidir se uma gestão terceirizada abordará de forma satisfatória a preservacação da fauna nos parques estaduais.

Doravante, a CMA se reunir todas às terças-feiras, às 14h30, para debater os projetos em pauta.

Secretaria Estadual de Comunicação
Partido Verde – São Paulo




Coordenadoria da Bacia 14 é referendada em Sertãozinho

Coordenadoria da Bacia 14 e referendada em Sertaozinho

No ultimo sábado (9), no período vespertino, na cidade de Sertãozinho, dirigentes municipais das cidades que compõe a Bacia 14 escolheram seus coordenadores que, doravante, estarão à frente dos trabalhos preparatórios, visando a organização das executivas municipais para as eleições 2016.

A Coordenação Regional da Bacia 14 é formada por colégios eleitorais pertencentes a trinta e oito (38) municípios banhados pela Bacia do Mogi-Guaçu, localizados na Região Mogiana. Porém, já objetivando a reorganização das bacias, as cidades de Amparo, Socorro, Lindoia, Águas de Lindoia e Serra Negra, que até então compunham a Bacia 14, passaram a compor a Bacia 10.

A nova Coordenadoria Regional foi composta pelos dirigentes Carlos Berque (Porto Ferreira), Márcia de Paula Souza (Mogi Guaçu), Amilton (Leme), Luiz Claudio (Santa Cruz das Palmeiras) e Carlos Alexandre Gomes (Sertãozinho) que será o novo porta-voz junto à executiva estadual.

Além dos filiados, dirigentes e vereadores pertencentes a Bacia 21, estiveram presentes ao evento o secretário estadual de organização, Arnaldo Juste, o secretário estadual de comunicação, Claudio Turtelli, além dos dirigentes do PV Capital, Edercino Tolentino e Edson Bueno.

BACIA 14 NAS ELEIÇÕES DE 2014

Desempenho da Bacia 14 para o cargo de deputado Federal

Os votos válidos (nominais + legenda) do PV para o cargo de deputado federal (23.441) na bacia correspondem a 2,45% de todos os votos válidos da legenda no estado (955.373). Para uma melhor análise sobre o seu desempenho é preciso saber que todos os votos válidos (de todos os partidos) sufragados na Bacia 14 (750.829), representam 3,57% dos votos válidos de todo o estado (20.996.012). Apenas uma comissão executiva municipal superou a casa dos 3% de votos. Nas demais cidades em que os votos do PV ultrapassaram os 3%, não existem comissões executivas municipais provisórias legalmente em atividade (ver relação das cidades abaixo).

Desempenho da Bacia 14 para o cargo de deputado Federal

Desempenho da Bacia 14 para o cargo de deputado estadual

Os votos válidos do PV na Bacia 14, para o cargo de dep. estadual (16.093), correspondem a 1,23% de todos os votos válidos da legenda no estado (1.306.750). Para melhor análise sobre o seu desempenho é preciso saber que todos os votos válidos (de todos os partidos) sufragados na Bacia 14 (716.944), representam 3,47% dos votos válidos de todo o estado (20.621.703).

Desempenho da Bacia 14 para o cargo de deputado estadual

Secretaria Estadual de Comunicação
Partido Verde – São Paulo




Bacia 21 reconduz seus Coordenadores Regionais

Bacia 21 reconduz seus Coordenadores Regionais

Na manhã do ultimo sábado (9), na cidade de Ribeirão Preto, dirigentes municipais das cidades que compõe a Bacia 21 se reuniram e reconduziram parte dos atuais coordenadores que, doravante, estarão à frente dos trabalhos preparatórios, visando a organização das executivas municipais da bacia para as eleições 2016. Os coordenadores reconduzidos foram: Dulce (Barretos), Barison (Mocóca) e André Rodini (Ribeirão Preto) que continuará sendo o porta-voz junto à executiva estadual.

Além dos filiados, dirigentes e vereadores pertencentes a Bacia 21, estiveram presentes ao evento o secretário estadual de organização, Arnaldo Juste, o secretário estadual de Comunicação, Claudio Turtelli e os dirigentes do PV Capital, Edercino Tolentino e Edson Bueno.

A Coordenação Regional da Bacia 21 é formada por colégios eleitorais pertencentes a cinquenta e sete (57) municípios, banhados pelas Bacias do Pardo Sapucai/Baixo Pardo, localizados nas Regiões Norte e Nordeste do estado.

BACIA 21 NAS ELEIÇÕES DE 2014

Desempenho da Bacia 21 para o cargo de deputado Federal

Na Bacia 21, os votos válidos (nominais + legenda) do PV para o cargo de deputado federal (51.950) correspondem a 5,44% de todos os votos válidos da legenda no estado (955.373). Para uma melhor análise sobre o seu desempenho é preciso saber que todos os votos válidos (de todos os partidos) sufragados na Bacia 21 (1.060.396), representam 5,05% dos votos válidos de todo o estado (20.996.012).

Sete (7) comissões executivas municipais superaram a casa dos 3% de votos para o cargo de deputado federal nas eleições de 2014. Nas demais cidades em que os votos do PV ultrapassaram os 3%, não existiam (antes do pleito de 2014) comissões executivas municipais provisórias legalmente em atividade (ver relação das cidades abaixo).

Desempenho da Bacia 21 para o cargo de deputado Federal

Desempenho da Bacia 21 para o cargo de deputado Estadual

Na Bacia 21, os votos válidos (nominais + legenda) do PV para o cargo de deputado estadual (31.138) correspondem a 2,38% de todos os votos válidos da legenda no estado (1.306.750 – 6,31%). Para uma melhor análise sobre o seu desempenho é preciso saber que todos os votos válidos (de todos os partidos) sufragados na Bacia 21 (1.055.308), representam 5,11% dos votos válidos de todo o estado (20.621.703).

Desempenho da Bacia 21 para o cargo de deputado Estadual

SECRETARIA ESTADUAL DE COMUNICAÇÃO
PARTIDO VERDE – SÃO PAULO




Bacia 11 escolhe seus novos Coordenadores Regionais

Bacia 11 escolhe seus novos Coordenadores Regionais

Aconteceu no último sábado de manhã (9) o encontro regional da Bacia 11, nas dependências da Câmara Municipal de Santa Bárbara d´Oeste, contando com a presença de mais de 100 pessoas, representando 25 cidades.

A Coordenação Regional da Bacia 11 é formada por colégios eleitorais pertencentes a trinta e quatro  (34) municípios, banhados pela Bacias do Capivari/Piracicaba, localizados à oeste da Grande Campinas.

Os trabalhos foram conduzidos pelo presidente estadual do PV-SP, Marcos Belizário, pelo deputado estadual Chico Sardelli (Americana) e pelo presidente do PV Nova Odessa, Dimas Starnini. Também marcaram presença o prefeito de Santa Bárbara d´Oeste, Denis Andia, o vereador de Americana, Pedro Peol, o vereador de Santa Bárbara d´Oeste, Celso Ávila, e Terezinha Tietz, de Charqueada.

Durante a reunião foi escolhida a nova Coordenadoria Regional da Bacia 11, com sete (7) membros: Terezinha Tietz, (Charqueada), Rogério Rampo (Cordeirópolis), Rodrigo Mettestainer (Sumaré), Nonato Maia (Santa Bárbara d´Oeste) Júnior Felisbino (Cosmópolis) Gustavo Durlacher (Jaguariúna), sendo escolhido como porta-voz junto à Executiva Estadual, o coordenador Edson Milan (Americana).

BACIA 11 NAS ELEIÇÕES DE 2014

Desempenho da Bacia 11 para o cargo de deputado Federal

Na Bacia 11, os votos válidos (nominais + legenda) do PV para o cargo de dep. federal (58.137) correspondem a 6,08% de todos os votos válidos da legenda no estado (955.373). Para uma melhor análise sobre o seu desempenho é preciso saber que todos os votos válidos (de todos os partidos) sufragados na Bacia 11 (1.197.168), representam 5,70% dos votos válidos de todo o estado (20.996.012). Onze (11) comissões executivas municipais provisórias superaram os 3% de votos para o cargo de deputado federal. Nas demais cidades em que os votos do PV ultrapassaram os 3%, não existiam comissões municipais provisórias legalmente em atividade à época do processo eleitoral de 2014.

Desempenho da Bacia 11 para o cargo de deputado Federal

Desempenho da Bacia 11 para o cargo de deputado Federal Estadual

Na Bacia 11, os votos válidos (nominais + legenda) do PV para o cargo de dep. estadual (64.950) correspondem a 4,97% de todos os votos válidos da legenda no estado (1.306.750 – 6,31%). Para uma melhor análise sobre o seu desempenho é preciso saber que todos os votos válidos (de todos os partidos) sufragados na Bacia 11 (1.150.660), representam 5,58% dos votos válidos de todo o estado (20.621.703).

Desempenho da Bacia 11 para o cargo de deputado Federal Estadual

SECRETARIA ESTADUAL DE COMUNICAÇÃO
PARTIDO VERDE –SÃO PAULO




Convenção Nacional do Partido Verde será neste sábado

aaa3

Mais de uma centena de delegados, representando as vinte e sete (27) executivas estaduais/distrital, estarão reunidos neste sábado, 16 de maio, na sede nacional do Partido Verde, em Brasília, para a convenção nacional que escolherá o novo diretório e a nova executiva nacional da legenda.

Na pauta da convenção, além do processo eletivo, está previsto um amplo debate sobre a conjuntura nacional, com destaque para a reforma política e as eleições de 2016. No centro das discussões, os convencionais debaterão o relatório da Comissão da Reforma Política, em andamento no Congresso Nacional, cujo teor afronta posições dos verdes em diversos temas.

Na Convenção, o coletivo dirigente do Partido Verde também firmará suas propostas de reforma para o atual sistema politico, ratificando suas posições em prol do parlamentarismo, como forma de governo, pelo fim do voto obrigatório e pela proibição do financiamento de campanhas por empresas.

Uma coletiva com a imprensa já está marcada, as 17h00 do sábado, com os representantes da nova executiva nacional que será eleita na convenção nacional.

Serviço:

Convenção Nacional do Partido Verde
Dia: Sábado, 16 de maio de 2015.
Hora: à partir das 9h00. Coletiva com a imprensa: 17h00.
Local: Sede Nacional do PV – SHIS Ql 20 Conjunto 4, casa 08, Lago SUL,  Brasília/DF

Fonte: SECOM/PV Nacional

Secretaria Estadual de Comunicação
Partido Verde – São Paulo




Bacia 15 renova sua Coordenação Regional

Bacia 15 renova sua Coordenacao Regional

Em mais uma etapa do processo de escolha das coordenadorias regionais que estarão à frente dos trabalhos que auxiliarão a executiva estadual no processo eletivo de 2016, em encontro realizado em Bauru, no último sábado (9) pela manhã, representantes das cidades que compõe a Bacia 15 se reuniram para a escolha dos novos coordenadores e o porta-voz.

A Coordenação Regional da Bacia 15 é formada por colégios eleitorais pertencentes a trinta e quatro (34) municípios, banhados pela Bacia do Médio Tietê/Jacarepepira, localizados na Região Centro Oeste do estado.  

Estiveram presentes filiados representantes de 25 cidades. Além dos filiados, dirigentes municipais, vereadores e vice-prefeitos pertencentes a Bacia 15, marcou presença o dirigente estadual, Kiko Danieletto, coordenando os trabalhos em Bauru.

Foram sete (7) os coordenadores regionais escolhidos na Bacia 15: Bragatto (São Carlos), Galo (Araraquara), Emilson (Igaraçu do Tietê), André Marques (Bocaina) Leandro Mangili (Dois Córregos) Solana (Pederneiras) e Clodoaldo Gazzetta (Bauru) que passa a ser o novo porta-voz da bacia junto à executiva estadual.

BACIA 15 NAS ELEIÇÕES DE 2014

Desempenho da Bacia 15 para o cargo de deputado Federal

Na Bacia 15, os votos válidos (nominais + legenda) do PV para o cargo de deputado federal (94.539) correspondem a 9,89% de todos os votos válidos da legenda no estado (955.373). Para uma melhor análise sobre o desempenho da Bacia é preciso saber que todos os votos válidos (de todos os partidos) sufragados na Bacia 15 (753.798), representam 3,59% dos votos válidos de todo o estado (20.996.012). Onze (11) comissões executivas municipais provisórias superaram a casa dos 3% de votos. Nas demais cidades em que os votos do PV ultrapassou os 3%, não existIam comissões executivas municipais provisórias legalmente em atividade (ver relação das cidades abaixo).

Desempenho da Bacia 15 para o cargo de deputado Federal

Desempenho da Bacia 15 para o cargo de deputado estadual

Na Bacia 15, os votos válidos (nominais + legenda) do PV para o cargo de deputado estadual (56.746) correspondem a 4,34% de todos os votos válidos da legenda no estado (1.306.750). Para uma melhor análise sobre o seu desempenho é preciso saber que todos os votos válidos (de todos os partidos) sufragados na Bacia 15 (743.117), representam 3,60% dos votos válidos de todo o estado (20.621.703).

Desempenho da Bacia 15 para o cargo de deputado estadual

Secretaria Estadual de Comunicação
Partido Verde – São Paulo




Bacia 9A elege seus coordenadores em Praia Grande

Bacia 9A elege seus coordenadores em Praia Grande

O Encontro Regional da Bacia 9A aconteceu nesta quinta-feira (7), em Praia Grande. Além da participação  de ativistas e dirigentes, o evento contou com a presença do presidente estadual, Marcos Belizário e dos dirigentes estaduais Arnaldo Juste (São Paulo), Ana Maria (Cubatão) e Willian Lancelotti (Guaruja).

A Coordenação Regional da Bacia 9A é formada por colégios eleitorais pertencentes a dez (10) municípios, localizados no Litoral Sul. Na Bacia 9A, os votos válidos do PV para o cargo de dep. federal (15.993) corresponderam a 1,67% de todos os votos válidos da legenda no estado (955.373 – 4,55%).

Para uma melhor análise sobre o seu desempenho é preciso saber que todos os votos válidos (de todos os partidos) sufragados na Bacia 9A (856.345), representam 4,08% dos votos válidos de todo o estado (20.996.012). Na Bacia 9A, somente uma comissão executiva municipal provisória superou os 3% de votos.

Entre os coordenadores eleitos para o trabalho de organização das eleições 2016 na baixada santista estão: Ana Maria R. de Oliveira (Cubatão), Cynthia Regina Coly (Peruíbe), José Ernesto Lessa Marogni Junior – Zeca (Peruíbe), Mário Bernardino (Santos), Willian Lancelotti (Guarujá), Edson Milan (Praia Grande) e André Luiz Fonseca Leite – Cavalero (São Vicente). Três nomes foram apresentados como porta-voz da Bacia 9A: Willian Lancelotti, Mário Bernardino e José Ernesto Lessa Marogni Junior.

Desempenho da Bacia 9A para o cargo de deputado federal, nas eleições de 2014

tabela

Secretaria Estadual de Comunicação
Partido Verde – São Paulo
Foto: João Artur Camargo de Oliveira




Encontro da Bacia 6 define nova Coordenação Regional

Encontro da Bacia 6 define nova Coordenacao Regional

Cumprindo o cronograma estabelecido pela direção estadual, a Bacia 6 se reuniu nesta segunda-feira (27), nas dependências do Rotary Club de Carapicuíba, elegendo seus novos coordenadores e porta-voz.

Dos 13 municípios que compõe a Bacia 6, estiveram presentes representantes de dez cidades. O colegiado optou por indicar um coordenador para cada município, mantendo o dirigente estadual, Carlos Marx (PV-Osasco), com porta-voz junto à executiva estadual.

00002

Entre os membros da nova coordenadoria estão: Carlos Marx (PV-Osasco); Sandra Gama (Embú das Artes); Evangelista Limas (Itapevi), Karitas (Jandira), Carlos Andrade (Taboão da Serra), Kaka Werá (Itapecerica da Serra); vereador Jô (Barueri); Patrícia Marques Machado (Cotia) e o Wilson Marcelino (Carapicuíba). Também são integrantes natos do corpo diretivo regional da Bacia 6, o prefeito de Jandira, Geraldo Teotônio, o prefeito de Itapevi, Jaci Tadeu e o deputado estadual, Marcos Neves. Integrantes dos municípios que ainda não estão ativos, assim que regularizados, indicarão seus representantes para compor o colegiado regional.

Além dos dirigentes e vereadores dos municípios da Bacia 6, estiveram presentes o presidente estadual do PV-SP, Marcos Belizário, a vice-presidente, Vera Motta, o secretário estadual de organização, Arnaldo Juste, o secretário estadual de comunicação, Claudio Turtelli e o deputado estadual, Marcos Neves, anfitrião do Evento.

Texto: Rosi Cheque – Jornalista e dirigente do PV-Osasco
Fotos: Andreia Araújo

Secretaria Estadual de Comunicação
Partido Verde – São Paulo




Bacia 7 reconduz seus coordenadores

pv

O Encontro da Bacia 7, como previsto, foi realizado na última sexta-feira (17), na cidade de Guarulhos, visando realizar a escolha da nova coordenadoria regional. Além do presidente estadual, Marcos Belizário, que prestigiou o evento, estiveram presentes os dirigentes da executiva nacional, Ricardo Silva e Jovino Cândido. Também marcaram presença o atual prefeito de Francisco Morato, Marcelo Cecchetini, a vereadora e secretária de esportes de Ferraz de Vasconcelos, Ana Acilda, o vereador e secretário de meio ambiente de Mairiporã, Antonio Carlos Tuna, além de vereadores e representantes dos municípios Caieiras, Biritiba Mirim, Francisco Morato, Franco da Rocha, Ferraz de Vasconcelos, Guarulhos, Mairiporã, Suzano, Mogi das Cruzes e Itaquaquecetuba.

pv2

Foram reconduzidos aos cargos de coordenadores da Bacia 7 o dirigente Jovino Cândido, de Guarulhos, a vereadora Neiva, de Franco da Rocha, Tânia Shibata, de Caieiras, o vereador Tuna, de Mairiporã e Romildo Campello, de Mogi das Cruzes. O porta-voz da Bacia 7 continua sendo o coordenador Ricardo Silva, de Ferraz de Vasconcelos. Pelo fato da maioria dos municípios estarem em fase de reorganização, as direções executivas municipais presentes ao evento, em assembleia, limitaram o mandato da atual coordenação até o próximo Encontro Estadual, que deve ocorrer ainda entre os meses de junho e julho deste ano. Neste sentido, um compromisso entre os atuais coordenadores foi assumido no sentido de regularizar todos os municípios dentro deste prazo para que possam participar do processo eletivo, dando maior legitimidade a coordenação que será escolhida no próximo pleito.

Secretaria Estadual de Conunicação

Partido Verde – São Paulo