Câmara acata pedido do PV para debater a crise hídrica e energética no Brasil

Untitled 3
O presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB) acatou, nesta terça-feira, 3, pedido das bancadas do PV e do PSOL para realização de uma comissão geral no Plenário da Câmara para debater a crise hídrica e energética do país. O pedido foi entregue pelo líder da bancada do PV, deputado Sarney Filho (MA), na primeira reunião de líderes partidários de 2015 e recebeu o apoio das outras legendas.

“A crise de abastecimento que, infelizmente, assola o Estado de São Paulo, já algum tempo, atingiu cerca de 70 municípios, afetando, negativamente, a qualidade de vida de mais de 13 milhões de pessoas. Agora, em janeiro, tivemos a comprovação que essa crise começou a comprometer a segurança energética, quando vivenciamos um chamado “desligamento preventivo” que afetou vários estados, por várias horas”, lembrou Sarney Filho.

O requerimento propõe que sejam ouvidos especialistas e autoridades da área e se avance na compreensão de um caminho de enfrentamento da questão. “Essa lamentável situação tem relação direta com aspectos estruturais e conjunturais”, explicou o parlamentar. Choveu muito menos do que se esperava e faltaram investimentos em novos sistemas de produção de água potável. A relação direta da falta de chuvas na região sudeste, com o processo de desmatamento na Amazônia brasileira, que já consumiu 20% da floresta, também deve ser considerado”.

Entre os convidados sugeridos estão representantes da Agência Nacional de Águas – ANA; Secretaria de Recursos Hídricos de São Paulo; SABESP; Ministério do Meio Ambiente; Ministério da Ciência e Tecnologia; IBAMA; INPE; Rede Brasileira de Organismos de Bacia – REBOB; Ministérios Públicos Federal e Estadual; Tribunal de Contas da União – TCU e entidades da sociedade civil. A data ainda não foi definida.

Fonte: Liderança do Partido Verde na Câmara dos Deputados

Secretaria Estadual de Comunicação
Partido Verde – São Paulo